quinta-feira, 9 de junho de 2011

♪ Tô te esperando, vê se não vai demorar...


Esse texto bem que poderia começar cantarolado pela lanterna dos afogados. "Quando está escuro e ninguém te ouve, quando chega a noite e você pode chorar..." Mas essa não é a nossa música. Embora a noite esteja tão vazia e eu não saiba muito o que fazer com ela. To procurando por abrigo, colo, aninho, chamego... Tô implorando pra que o telefone toque e alguém me salve desse desgosto. A carência inventou de me bater justo agora e não aparece uma alma viva pra me livrar do medo de estar só. Nunca pedi com tanta fé que você me ligasse, que me salvasse. Cheguei a pegar o telefone e mandar mensagens telepáticas pedindo socorro, sussurrei baixinho um “vem me socorrer” enquanto apertava o celular contra o peito... Tô precisando de alguém e não penso em outro melhor que você pra ocupar o espaço vago que se instalou no meu sofá. Me liga, me liga, me liga... Já pedi com tanta fé e de olhos fechados, mas acho que as linhas telepáticas estão bastante ocupadas agora a noite porque meu celular ainda não tocou. E eu pensei seriamente na possibilidade de te mandar uma mensagem perguntando por onde estaria e se não topava sair dai e vir me fazer companhia. Estar com você aqui, agora, me parece bem aconchegante e eu ando precisando desse seu ar seguro espantando minha solidão. Eu sei, você não é muito dessas coisas meigas e fofinhas, não gosta desse meu romantismo com coisas de menina, mas eu prometo me comportar e não parecer muito carente quando você chegar. Pode vir cuidar de mim agora? A casa parece tão grande só pra mim. Preencha esses espaços vazios que as almofadas não conseguem. Vem me ver, assiste um filme comigo, eu faço pipoca pra gente e prometo não ficar alisando muito a sua barba. Eu deixo você me beijar, eu te beijo antes mesmo de você pedir. Só me deixa deitar no seu colo enquanto me faz cafuné e a gente finge só um pouquinho que o que existe entre você e eu não é só atração. Liga aquele botãozinho que te deixa um cara doce mesmo com cara de bravo e que te faz tão encantador nas poucas vezes que acontece. Mas me liga, escuta meu pensamento desesperado, um SOS em neon, me veja ao lado sacudindo os braços igual aos bonecos do posto de gasolina tentando chamar sua atenção. E eu prometo que canto certo a parte da música que fala do sol. Fica comigo hoje e cuida de mim, me espera dormir esfregando suas mãos nas minhas. Passa essa lua inteira comigo, seja meu sol pela manhã.

7 comentários:

  1. Que LINDO! Assim mesmo, em caps lock.

    Beijiinhos, e fica com Deus.;**

    www.chocolatemeiodoce.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá!!!
    Muito obrigada pela visita e carinho para com o blog :)
    Fico contente em saber que gosta!
    Uia, de Brasília tb rs
    De que lugar vc é?
    Bjks e ótimo domingo!

    ResponderExcluir
  3. Tanto pode como deve... está in-ti-ma-da. kkk
    fiquei super feliz que você gostou do meu cantinho, me enche de alegria comentários assim que nem o teu. Muito obrigada. (:
    eu passo sempre por aqui também, tõ te seguindo já. Ai, nem ligo, eu mal to entrando na net também.
    beeijinhos, menina sonhadora, fica com Deus. :**

    www.chocolatemeiodoce.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Gostei bastante do Blog.
    Muito interessante !

    É bom ver a cada dia que passa mais originalidade nessa "blogosfera". :)

    Deixo o meu aqui caso queira dar uma olhada, seguir..;
    http://bolgdoano.blogspot.com/

    Muito Obrigada, desde já !

    ResponderExcluir
  5. carambaaa isso poderia ser 1 pedido de namoro perfeito rsrs adorei vo guarda

    bjxxx

    ResponderExcluir
  6. Não sei nem o que falar, e ler isso ao som dessa música perfeita ... " quando eu te vejo..." Adooooro
    Tão perfeito , to sem palavras, serio!

    ResponderExcluir
  7. oi flor estou te seguindo passa lá no meu se vc gostar me segue tabém vou adorar ter vc por lá também bjos!
    http://brilhomenina.blogspot.com/

    ResponderExcluir